Giro

Na Baixada Santista, chuva forte deixa ao menos nove mortos, afirma Defesa Civil

As chuvas fortes que caem na região da Baixada Santista desde a tarde desta segunda-feira, 2, já provocaram ao menos nove óbitos nas cidades de Guarujá, Santos e São Vicente, afirma em nota a Defesa Civil do Estado de São Paulo. Ao menos seis pessoas continuam desaparecidas.

Foram registrados ao menos quatro quedas de barreiras ao longo da Rodovia Doutor Manuel Hipólito Rego, em dois pontos da SP 055 (Rio-Santos) e outros dois da SP 061 (Guarujá-Bertioga), de acordo com informações do Departamento de Estradas de Rodagem (DER). O VLT da Baixada Santista também amanheceu paralisado na manhã desta terça-feira, 3, após deslizamento de terra próximo ao túnel que faz a ligação entre Santos e São Vicente.

Dados do Núcleo de Gerenciamento de Emergência da Defesa Civil do Estado indicam que o acumulado nas últimas 12 horas de chuvas foi de 282 mm no Guarujá e 218 mm em Santos.

A previsão para esta terça-feira é de chuva moderada a forte ao longo do dia em todo o litoral paulista, incluindo a região da Baixada Santista. De acordo com a equipe da Defesa Civil, o temporal foi causado devido à formação de uma área de baixa pressão no litoral de São Paulo e a circulação dos ventos nos altos níveis da atmosfera.

Coordenador Estadual da Defesa Civil, o coronel Walter Nyakas Junior está na região para se reunir com prefeitos e avaliar as primeiras medidas que devem ser tomadas.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?