Novo segmento de criptomoeda

Musk aposta em novo segmento de criptomoeda, que tem gatilho de valorização que pode ser disparado ainda em março

Uma coisa é certa: você não precisa ser rico para começar a investir, mas se quiser alcançar a riqueza sem precisar depender do seu trabalho, investir pode ser um excelente caminho. E investir em criptomoedas, como o Bitcoin, pode ser um atalho para acelerar essa conquista.

Há apenas um ano, existiam cerca de 15 mil milionários que investem em Bitcoin. Hoje, depois de apenas 12 meses, esse número se multiplicou por mais de 10 vezes e a quantidade de investidores que somam mais de 1 milhão na conta em Bitcoin passa dos 267 mil nomes, segundo a BitInfoCharts.

Quem decidiu dar uma chance para a criptomoeda mais famosa do mundo e a segurou por apenas doze meses, mesmo com quedas e oscilações no meio do caminho, colheu os frutos e hoje está em um outro momento da vida.

A tendência é que o número de criptomilionários só aumente daqui para frente. Aliás, é provável estatisticamente que muitos de vocês que estejam lendo esse texto se tornem milionários daqui um ano investindo em criptomoedas – mas desta vez não com Bitcoin.

A recente alta iniciada em 2020 fez com que a moeda ultrapassasse a casa do trilhão de dólares em valor de mercado. Hoje o Bitcoin vale mais do que muitas empresas conhecidas e até mesmo mais do que moedas de países fortes como o Rublo russo.

Por isso, as chances são de que as novas oportunidades de fazer fortuna neste mercado investindo pouco dinheiro venham de outras criptomoedas, menores e ainda desconhecidas, com valor de mercado pequeno e que ainda estão em seus estágios iniciais.

Os especialistas chamam essas moedas de microcoins. Elas são a sua maior chance de enriquecer investindo pouco dinheiro em criptomoedas hoje. E não é exagero nenhum dizer isso.

Eles ficaram milionários em 12 meses com apenas 616 reais – até Musk criou o seu projeto inovador

Enquanto as criptos maiores precisam de bilhões de dólares para, pelo menos, dobrarem, no caso do Bitcoin trilhões, as microcoins precisam de apenas um sopro para decolarem e mudarem para sempre a vida de quem investe nelas.

Por exemplo, no dia 04/11/2020 a criptomoeda Axie Infinity valia apenas US$ 0,16 e tinha valor de mercado de ‘meros’ US$ 8 milhões de dólares. Um ano depois a moeda ligada ao setor de games e NFT já valia 9,77 bilhões de dólares.

Isso significa que para conseguir o milhão bastaria investir uma ‘fortuna’ de 616 reais. Isso em apenas um ano, está documentado e comprovado, basta procurar.

É um retorno surreal que jamais poderia ser capturado naquele momento em investimentos conhecidos como ações e até mesmo Bitcoin e Ethereum. Afinal, no mesmo período o Bitcoin valorizou ‘apenas’ 314% e os mesmos 600 reais investidos na criptomoeda mais famosa do mundo se tonaram R$ 2.400. Não é um retorno ruim… mas não muda a vida de quem tem pouco dinheiro para começar a investir.

Vê como é quase uma covardia comparar uma microcoin com o retorno do Bitcoin? E tem mais. No dia 14/08/2021 a criptomoeda The Sand Box saiu de 64 centavos para ser cotada, apenas 3 meses depois, em novembro do mesmo ano, em mais de 8 dólares.

A alta fez quem investiu em Sand, multiplicar, em menos de um semestre, o seu patrimônio por mais 138 vezes e fazer cada R$ 1.000 investidos nela se tornarem mais de R$ 138.000. Enquanto isso, os investidores de Bitcoin embolsaram 16% de lucros.

E esses não são casos isolados ou fora da curva, são a regra do criptomercado. Se pegarmos a tabela de maiores valorizações do ano quando o assunto são criptomoedas, todas elas, sem exceção, são microcoins – e todas elas sem exceção, enriqueceram os seus investidores.

Um dos que está de olho em projetos inovadores dentro do criptomercado é detentor de um sobrenome bem conhecido por aqueles que investem em criptomoedas. Depois de criar um negócio bilionário e ajudar a Tesla a se tornar quem é hoje, Musk decidiu criar a sua própria criptomoeda.

O irmão do bilionário criador da Tesla pegou o mundo de surpresa ao anunciar a sua nova criação. Quem está de olho em apostas como esta aqui no Brasil é o analista de criptomoedas Vinicius Bazan.

Ele acredita que existe uma microcoin que tem de tudo para decolar após o dia 28 de março a ponto de deixar os seus leitores ricos partindo de pouco dinheiro.

‘Aconteceu com Axie Infinity. Aconteceu com Mana e Sand e eu acredito que vai acontecer a mesma coisa com uma nova criptomoeda. Quem investir pouco dinheiro nesta nova criptomoeda tem a chance real de ficar milionário’ – Vinicius Bazan

O analista ganha confiança com a sua projeção ao observar que após o dia 28 acontecerá um fenômeno conhecido no mundo cripto por provocar verdadeiras supermultiplicações.

Para que você tenha ideia, criptomoedas que foram impactadas pelo mesmo evento chegaram a apresentar multiplicações de até 42.000% em 24 horas – te mostrarei isso a seguir.

Para que ninguém fique de fora do movimento, Bazan está embarcando para Dubai no dia 20 de março a fim de encontrar o desenvolvedor desta e de outras criptomoedas para conversar cara a cara com eles sobre o projeto.

Ele estará pessoalmente com um único objetivo: encontrar as moedas com maior potencial de multiplicação de capital da atualidade.

E criou um grupo exclusivo e gratuito para mandar mensagens em primeira mão sobre o que está em discussão entre a nata do mundo cripto global.

E no dia 28 ele vai fazer uma transmissão ao vivo e online direto do Oriente Médio revelando gratuitamente o nome da sua mais nova aposta dentro do segmento das microcoins para que todos consigam investir nela o quanto antes

Acredite, quando estamos falando de microcoins e de fenômenos como o que poderá acontecer depois do dia 28, qualquer dia perdido pode significar muito dinheiro na mesa.

QUERO SABER COMO TER ACESSO AOS NOMES DAS PRÓXIMAS MICROCOINS COM POTENCIAL DE ME DEIXAR MILIONÁRIO

Teve gente ficando milionária com R$ 2.000 em 24 horas depois que esse evento aconteceu

Embora seja impossível acertar o timing exato para comprar qualquer ativo que seja, independente de ser uma criptomoeda ou uma ação na bolsa, de tempos em tempos fenômenos importantes podem impactar o criptomercado e provocar verdadeiras supermultiplicações. Eles são de duas naturezas diferentes:

  1. Eles podem ser de origem macro e afetar todas as moedas existentes. É o que costuma acontecer, por exemplo, quando Bitcoin passa por uma atualização periódica conhecida como halving. Ela faz a emissão de Bitcoins cair pela metade, o que provoca um choque na oferta da moeda e, consequentemente, aumento nos preços do Bitcoin. Como o Bitcoin dita o rumo dos mercados, outras moedas costumam seguir o seu movimento.
  1. Esse fenômeno pode ser de origem micro e afetar especificamente uma moeda ou as moedas do seu ecossistema. Como aconteceu com o Ethereum após os forks da sua atualização Ethereum 2.0. O Ethereum já subiu mais de 500% desde a primeira etapa e moedas menores que foram criadas dentro do seu ecossistema subiram ainda mais.

Só estou te falando tudo isso porque depois do dia 28 de março um evento conhecido no criptomercado por fazer o preço de algumas microcoins decolarem pode impactar diretamente a nova indicação de Bazan.

O ânimo do analista só aumenta ao perceber o que aconteceu da última vez que esse evento impactou outras microcoins. Afinal, o fenômeno é conhecido dentro no mundo cripto justamente por fazer com que, na média, microcoins que passem por ele valorizem 91% em apenas cinco dias.

Isso significa que, em média, as microcoins que passam por esse fenômeno dobram de tamanho em menos de uma semana. Mas isso é só a média. Por incrível que pareça, 91% é pouco perto do que pode acontecer com aquelas que superam essa média.

No dia 12 de agosto de 2020 a criptomoeda Chilz passou pelo exato mesmo fenômeno e o resultado foi uma valorização de 2.615%. Isso significa que quem tinha a moeda antes do evento acontecer conseguiu multiplicar o seu patrimônio por 27 vezes em apenas uma tacada.

Depois o mesmo aconteceu com a criptomoeda Synthetix. A moeda passou pelo mesmo processo no dia 12 de maio de 2020 e o resultado pós-evento foi uma valorização de 3.329%. Na ponta do lápis, quem investiu 1.000 reais nela antes do fenômeno pode embolsar 33.000 reais de lucros depois do evento.

E essas não são as únicas e nem as maiores. Existem casos fora da curva que parecem ser até mentirosos. Como aconteceu com um token que valorizou incríveis 42.400% em apenas 24 horas e fez de quem investiu apenas 2.000 reais nele antes do evento, milionário em apenas 1 dia. É claro que esse foi um caso totalmente fora da curva e provavelmente não vai se repetir tão cedo.

O ponto aqui a ser notado é que quando estamos falando de microcoins, moedas desconhecidas e ainda pequenas, tudo é possível e o potencial de valorização é algo até mesmo difícil de calcular.

QUERO SABER COMO TER ACESSO AOS NOMES DAS PRÓXIMAS MICROCOINS COM POTENCIAL DE ME DEIXAR MILIONÁRIO

Qual foi a última vez que você conseguiu multiplicar por 7 vezes o seu dinheiro da noite para o dia?

Basta ver o que acontece diariamente com elas. Eu trouxe uma imagem aqui do site Coinmarketcap, que traz dados de mercado e ilustra bem esse ponto:

 

Independentemente se o Bitcoin estiver subindo, caindo ou andando de lado, praticamente todas as vezes que você entrar em algum site que mede as valorizações de criptomoedas, como o Coinmarketcap, verá no topo das tabelas lucros de 600%, 700%, 1.000%, 2.000% sendo capturados em apenas 24 horas.

No meio desse bolo tem moedas boas, outras ruins. Sim, ainda existe muita especulação no mundo cripto. Mas é um fato: todas as moedas que disparam nos painéis de mercado têm uma coisa em comum: são microcoins, pequenas e ainda desconhecidas e carregam um potencial lucrativo imenso.

Embora retornos passados não garantam retornos futuros, pare e pense: qual foi a última vez que você teve a oportunidade de multiplicar por 6 o dinheiro investido da noite para o dia?

Tá, bom, apontar um monte de criptomoedas desconhecidas e falar que elas se valorizaram é fácil, mas como saber quais poderão ser as próximas criptomoedas a se valorizar? E o que indica que a criptomoeda que Bazan vai ficar de olho pode se valorizar agora e não depois? 

Segundo Bazan, além do gatilho fundamental que pode acontecer com uma moeda após o dia 28, ainda existe um outro ponto importante a ser observado.

QUERO SABER COMO TER ACESSO AOS NOMES DAS PRÓXIMAS MICROCOINS COM POTENCIAL DE ME DEIXAR MILIONÁRIO

Todas as vezes que as linhas destes gráficos se cruzam o Bitcoin dispara

Todos os dias pessoas compram e vendem criptomoedas, esse é o fluxo natural de qualquer ativo, seja ele digital ou não – mas isso não é novidade para ninguém.

O importante a ser observado aqui não é isso, mas sim quem está comprando e quem está vendendo. E, principalmente, o que estão comprando e o que estão vendendo.

Se analisarmos o que está acontecendo agora no mercado de moedas digitais veremos que o investidor de varejo começou a vender as suas posições para quem realmente sabe fazer dinheiro nesse mercado, as chamadas baleias – as maiores detentoras de criptomoedas do mundo.

Afinal, é quando as baleias decidem virar a mão para comprarem Bitcoin ou qualquer outra criptomoeda  que vemos uma alta expressiva no preço do ativo.

E adivinha o que está acontecendo agora com essa recente correção? O gráfico abaixo te mostra:

 

 

Enquanto o varejo vende, as baleias estão comprando loucamente. E como já vimos no passado, é justamente em momentos como esse que o Bitcoin começa a subir.

Mas não se engane. Esse gráfico por si só, não significa muita coisa. Afinal, as baleias podem estar querendo ‘treidar’ com a moeda para embolsar lucros no curto prazo. O gráfico só é de fato representativo quando acompanhado deste outro gráfico importante:

 

Ele mede a quantidade de Bitcoin existentes em corretora versus o número de Bitcoins existentes em carteira particulares.

Em resumo, todas as vezes que o número de Bitcoins em carteiras ultrapassa o de corretoras, maior é a vontade dos investidores segurarem o ativo por um longo período de tempo. Isso é importante, pois quando o volume de compra aumenta e quem está comprando segura por longos prazos a tendência é que o Bitcoin dispare.

Afinal, existe um número limitado de Bitcoins disponíveis no mercado e quanto mais as baleias acumulam Bitcoin menos moedas disponíveis existirão para uma mesma demanda. Isso causa um choque de oferta que faz o Bitcoin decolar.

Agora, depois de muito tempo, esse gráfico está nas suas máximas históricas e o resultado está sendo percebido logo de cara. O Bitcoin sobe hoje, no dia em que escrevo esta matéria, quase 10%.

Mas o pulo do gato não é o que acontece com o Bitcoin, mas sim o que acontece depois que o Bitcoin sobe e atinge um patamar estável.

QUERO SABER COMO TER ACESSO AOS NOMES DAS PRÓXIMAS MICROCOINS COM POTENCIAL DE ME DEIXAR MILIONÁRIO

Os maiores investidores do mundo estão se antecipando a este fenômeno; ‘se eu fosse você faria o mesmo’

É justamente depois que a maior criptomoeda do mundo atinge sua resistência gráfica e começa a dar sinais de desgaste que as baleias do mercado migram os seus recursos para criptomoedas menores e ainda desconhecidas – e é nesse momento que as fortunas são feitas.

Afinal, se elas conseguem fazer com que um ativo de 1 trilhão de dólares de valor de mercado valorize 10% em um dia, imagine o que elas podem fazer com microcoins com valor de mercado até 1.000 vezes inferior a esse?

Não precisa nem imaginar, eu te mostro. Essa tabela de valorização aqui em baixo demonstra a última vez que as baleias decidiram investir o seu capital em determinadas microcoins:

Se você acha que 42.000% em um dia é muito, saiba que a moeda Cocos valorizou 159.102% em apenas alguns meses e multiplicou por 1.592 vezes o dinheiro de quem investiu nela quando ela ainda era pequena.

A criptomoeda meme Shiba Inu também subiu expressivamente. Embora ela não seja uma recomendação de investimento por quase nenhum analista certificado, o seu retorno chegou a enriquecer os seus investidores com apenas alguns trocados. Para ser mais especifico, R$ 1.184 se tornariam 1 milhão. R$ 2.200 se tornaram R$2 milhões.

Repito, esta é uma moeda baseada em meme, mas não tem como negar o que aconteceu. Mesmo que alguns exemplos da tabela não sejam projetos vistos como sérios, quem investiu neles em determinados períodos pode colocar um baita dinheiro no bolso.

Mas nada disso importa agora. O que ficou no passado pertence ao passado. O importante a ser notado é o que  está acontecendo agora.

Enquanto a maioria do varejo tenta correr atrás do próprio rabo ao ver o Bitcoin disparar 10% em 24 horas, as baleias do mercado começam sorrateiramente a migrar o seu dinheiro para projetos menores.

‘É agora ou nunca. São em momentos como esse que fortunas são feitas. O fenômeno pode acontecer a qualquer momento depois do dia 28 e as maiores baleias do mundo já começaram a comprar suas partes das moedas que serão afetadas. Quem se antecipar vai carregar uma chance real de enriquecer e mudar de vida para sempre’ – Vinicius Bazan 

Tá bom, mas como realmente saber quais projetos menores têm maior potencial? Você ainda não respondeu como saber qual moeda as baleias do mundo pretendem comprar. 

QUERO SABER COMO TER ACESSO AOS NOMES DAS PRÓXIMAS MICROCOINS COM POTENCIAL DE ME DEIXAR MILIONÁRIO

Você só precisa de um acerto com criptomoeda para ter a chance de mudar de vida para sempre; e ele será revelada no dia 28

É justamente com esse compromisso que Bazan está embarcando para Dubai. Lá ele vai se encontrar com uma sociedade anônima de figurões do criptomercado justamente para saber qual é a próxima bola da vez que eles estão de olho.

Para que você tenha ideia, essa sociedade conta com membros ilustres do criptomercado, como o criador Cardano e o fundador da Binance, a maior corretora do mundo. Ele vai transmitir o resultado dessa conversa para todos no dia 28 de março.

Dessa forma, as pessoas conseguirão não apenas se antecipar a data sabendo exatamente o que fazer para buscar lucros com ela como poderão saber o nome da criptomoeda que Bazan acredita ser a maior beneficiada.

QUERO SABER COMO TER ACESSO AOS NOMES DAS PRÓXIMAS MICROCOINS COM POTENCIAL DE ME DEIXAR MILIONÁRIO