Giro

Mundo chega a 1 milhão de mortes, diz Universidade Johns Hopkins

O mundo atingiu a marca de 1 milhão de mortes causadas pela covid-19, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins, nesta segunda-feira, 28. Segundo a instituição americana, são 1.000.555 vidas perdidas desde o início da pandemia.

Os Estados Unidos lideram o número de óbitos (205.031), seguidos pelo Brasil (142.058), Índia (95.542), México (76.430) e Reino Unido (42.090).

Os dados da Johns Hopkins mostram que, ao todo, já são mais de 33 milhões de casos de covid-19 no mundo. Os EUA, mais uma vez, lideram a contagem (7,14 milhões), seguidos por Índia (6,07 milhões), Brasil (4,74 milhões); Rússia (1,15 milhão) e Colômbia (818 mil).



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km