Política

MS terá 2º turno entre Reinaldo Azambuja (PSDB) e Odilon de Oliveira (PDT)

Com 100% das urnas apuradas, está definido que os candidatos Reinaldo Azambuja (PSDB) e Odilon de Oliveira (PDT) vão disputar o segundo turno das eleições para governador em Mato Grosso do Sul. O segundo turno está marcado para o dia 26 de outubro. O candidato do PSDB teve 44,61%% dos votos, enquanto o candidato do PDT teve 31,67%.

Em terceiro lugar, com 11,65% ficou Junior Mochi (MDB). Seguido de Humberto Amaducci (PT), 10,16%; Marcelo Bluma (PV), 1,28%, e João Alfredo (PSOL), 0,62%. Os votos brancos somam 4,65% e os nulos 7,89%. Abstenções foram de 21,22% do total de eleitores.

A disputa no primeiro turno foi marcada por denúncias de corrupção contra o candidato tucano, atual governador do Estado. Ele é acusado de recebimento de propina em troca de isenção fiscal para empresários. Juiz aposentado, o candidato do PDT afirmou durante toda a disputa era campanha do “tostão contra o milhão”, já que o Azambuja é um dos governadores mais ricos do País.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?