Economia

Motorista de Uber é assassinado na zona norte do Rio

O motorista de Uber Carlos Henrique Gonçalves, de 25 anos, foi assassinado na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro, na noite deste domingo, 5. Ele estava indo buscar um casal de passageiros na Rua Ibituruna e foi abordado por homens armados quando se aproximava do local combinado.

Os passageiros contaram que Gonçalves saiu do veículo com o intuito de se render, mas os homens atiraram ainda assim. Eles fugiram sem levar o automóvel.

Atingido no peito, o motorista ainda andou até chegar ao Hospital Albert Sabin, que fica bem próximo ao local do crime, mas morreu pouco depois. O casal prestou depoimento na 18ª Delegacia Policial (Praça da Bandeira) e relatou que os bandidos levaram só o celular de Gonçalves. O caso deverá ser investigado pela Delegacia de Homicídios.

Outros casos



No último dia 20, Thiago Souza, de 29 anos, agente do Departamento Geral de Ações Sócio-educativas (Degase) que trabalhava também como motorista de Uber, foi morto a tiros no centro do Rio.

Em outubro, outro motorista, Ovídio Francisco da Silva Filho, de 55, foi assassinado em uma tentativa de assalto em Del Castilho, na zona norte, perto do Shopping Nova América. Neste caso, ele estava com dois passageiros no carro, uma mulher, ferida por estilhaços, e uma criança.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago