Política

Morre aos 87 anos ex-deputado e ex-capitão cassado na ditadura Eduardo Chuahy

Morreu de infarto neste domingo o ex-deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Eduardo Chuahy, aos 87 anos. A Alerj lamentou o falecimento do político, que presidiu a casa em 1986 e foi cassado em 1964, quando era capitão do Exército.

Apoiador do ex-governador do Rio de Janeiro, Leonel Brizola, Chuahy foi secretário de Fazenda na Prefeitura do Rio, no mandato de Marcello Alencar, e presidente do Detran.

Escreveu também, em parceria com o diretor-geral da Alerj, Wagner Victer, o livro “Construção e a Destruição do Setor Elétrico Brasileiro”.

“Fica para nós a memória de um homem público aguerrido e fiel aos seus princípios, de democracia e respeito ao ser humano. Lamentamos sua morte e ofertamos nossas condolências à família”, afirmou em nota o presidente da Casa, deputado André Ceciliano (PT).



Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel