Economia

Morgan Stanley: vacina não muda perspectiva de BCE adotar estímulos em dezembro

O Morgan Stanley espera que o Banco Central Europeu (BCE) relaxe ainda mais sua política monetária em dezembro, como indicou no mês passado, embora vários investidores tenham sugerido que uma melhor perspectiva de que surja uma vacina para a covid-19 deverá reduzir ou até mesmo adiar a adoção de novas medidas de estímulo monetário. “Ainda não é um fato, ainda não há uma melhora (na perspectiva)”, dizem analistas do Morgan, esperando que o BCE reaja à autorização regulatório de uma vacina, e não se antecipe a ela. “A vacina poderá não ter sido aprovada até a reunião de 10 de dezembro (do BCE) e as projeções serão fechadas duas semanas antes”, diz o Morgan.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago