Negócios

Modelo de privatização da Cedae pode envolver abertura de capital

A Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae) informa que o governo do Estado do Rio de Janeiro deve definir nos próximos meses o modelo de privatização da companhia, segundo informações reportadas esta semana pela mídia local. A companhia afirma inclusive que existe a possibilidade de abertura de capital, com oferta de venda de parte das ações da Cedae.

Em outro fato relevante, a empresa informa que a Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro (Agenersa) aprovou o reajuste parcial de 4,8% sobre a tarifa atual cobrada, com vigência a partir de 1º de outubro.