Edição nº 1133 09.08 Ver ediçõs anteriores

Moda startup

Os empresários Eduardo Glitz (à esq.), Pedro Englert (à dir.) e Marcelo Maisonnave se especializaram em investir em startups de tecnologia como fintechs e plataformas digitais de conteúdo. Mas, não contentes em estimular apenas o ecossistema das startups, eles resolveram dar uma força ao guarda-roupas dos chamados “startupeiros” e investiram na Yuool, marca de tênis feitos com lã de Merino, uma das mais nobres do mundo. “Acabou virando moda entre os donos de startups”, diz Eduardo Glitz. Os pares custam, em média, R$ 349 e são vendidos apenas pela internet. Por enquanto, estão sendo produzidos e vendidos 2,5 mil pares por mês. Mas o negócio vai ganhar tração. A Yuool acaba de montar uma filial na Itália para atender todo o mercado europeu. “E também estamos conversando com representantes nos Estados Unidos”, diz Glitz.

(Nota publicada na Edição 1094 da Revista Dinheiro, com colaboração de: Ralphe Manzoni Jr.)


Mais posts

O segredo da longevidade é o investimento

Um dos maiores conglomerados industriais do mundo, o grupo francês Saint-Gobain segue otimista com a recuperação da economia, mas sabe [...]

Um espumante só meu

A vinícola espanhola Freixenet, fabricante do vinho espumante mais vendido no mundo, com 95,6 milhões de garrafas no ano passado, vai [...]

Solta a voz, bradescano

Um vídeo em que Luiz Carlos Trabuco, presidente do Conselho de Administração do Bradesco, e Octávio de Lazari, presidente executivo, [...]

Logística sem crise

Com a economia caminhando a passos lentos, as empresas estão cautelosas quanto aos novos investimentos. Mas esse não é o caso da [...]

Pizza pode ser saudável?

Sim, e muito lucrativa. Essa é a aposta da Estupenda, marca que pretende atingir um faturamento de R$ 2,3 milhões em 2019, número 30% [...]
Ver mais