Economia

Mitsuhiro Furusawa deve deixar cargo de vice-diretor-gerente do FMI em 30/11

O vice-diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Mitsuhiro Furusawa, pretende concluir seus serviços no cargo no dia 30 de novembro, informou nesta quarta-feira, 27, a diretora-gerente do Fundo, Kristalina Georgieva. Furusawa integra o time de gerência da instituição desde março de 2015.



Georgieva elogiou os trabalhos do vice-diretor e suas habilidade diplomáticas, e disse que sua falta será sentida.

Segundo comunicado, no cargo, Furusawa liderou o trabalho do FMI nas reformas de cotas e finanças, as rodadas dos Novos Acordos de Empréstimo e acordos bilaterais de empréstimos, questões de auditoria interna e externa, e reformas de financiamento concessional, além de atuar como presidente do Comitê de Supervisão de Investimentos.

Para o Fundo, ele foi uma “peça-chave no trabalho histórico” de alocar US$ 650 bilhões de direitos especiais de saque (SDR, na sigla em inglês) e, mais recentemente, na canalização voluntária de SDRs para os países mais necessitados.




Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?