Giro

Mississipi se prepara para retirar símbolo confederado de sua bandeira

Mississipi se prepara para retirar símbolo confederado de sua bandeira

A bandeira do estado do Mississipi, fotografada em 24 de julho de 2016, durante manifestação na Filadélfia - AFP/Arquivos

O estado americano de Mississipi se dispõe a eliminar o símbolo confederado de sua bandeira, após semanas de protestos contra o racismo nos Estados Unidos.

Dois terços dos deputados e senadores locais adotaram uma resolução que autoriza o tratamento de um projeto de lei para redesenhar a bandeira do estado.

O texto, que poderia ser submetido a votação a partir desde domingo, deve ser ratificado por um referendo em novembro.

A cruz azul na diagonal, demarcada por pequenas estrelas brancas com um fundo vermelho representou os estados do sul, contrários à abolição da escravatura, durante a Guerra Civil americana (1861-1865).

A bandeira faz parte, assim como as estátuas dos generais confederados ou líderes escravagistas, dos símbolos questionados no âmbito das grandes manifestações antirracistas que sacodem os Estados Unidos há um mês, após a morte em 25 de maio do afro-americano George Floyd por um policial branco.

Com um longo passado segregacionista, Mississipi é o último estado da União a usar estes símbolos em sua bandeira, depois que a Geórgia os eliminou da sua em 2003.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel