Giro

Ministro da CGU defende cloroquina e diz que tomará remédio se ficar doente

O ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner Rosário, afirmou que a decisão do presidente Jair Bolsonaro em aumentar a disponibilidade da cloroquina, por meio da produção do medicamento pelo Exército, foi “acertadíssima”. Mesmo sem eficácia comprovada, o governo federal tem estimulado o uso da droga para tratamento precoce da covid-19.

Durante audiência pública na comissão mista que fiscaliza as ações do governo em relação à pandemia nesta terça-feira, 14, o ministro afirmou que a decisão de utilizar o medicamento é individual e que tomará o remédio caso seja contaminado pelo novo coronavírus.

“Se alguém conseguir apontar para mim o que está comprovado com relação ao covid, a gente só faz o que está comprovado. Eu, se tiver covid, vou tomar cloroquina. Eu acho a decisão do presidente é acertadíssima”, disse.

O Ministério Público do Tribunal de Contas da União (MPTCU) pediu, em 18 de junho, abertura de investigação sobre possível superfaturamento na produção de cloroquina no Brasil, além da responsabilidade do presidente ao orientar aumento da produção. Bolsonaro também é alvo de representação à Procuradoria Geral da República (PGR).

“A discussão agora é política, cabe ao Tribunal (de Contas da União) indicar o que deveria ser feito. Eu já sei o que eu faria: eu vou tomar o remédio, quero que o remédio esteja lá, acho que o governo fez corretamente”, afirmou.

Veja também

+ Bolsonaro posta foto com filha e rebate crítica: “Já tomou Caracu hoje?”

+ Faça em casa receita de pudim com milho e leite condensado

+ Ex-capa da Playboy é presa acusada de tráfico de drogas em rede de prostituição

+ Com bumbum à mostra, Ivy Moraes filosofa no Instagram

+ Saiba por que as farmacêuticas vêm testar vacinas no Brasil

+ Namorada de Marco Verratti exibe fotos sensuais

+ Lívia Andrade posa de fio dental

+ Auxílio emergencial: Caixa credita hoje parcela para nascidos em janeiro

+ Google permite ver animais em 3D com realidade aumentada

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?