Geral

MG: Homem é morto a facadas após programa sexual

Crédito: Pixabay


A Polícia Civil finalizou um inquérito e concluiu que um homem, de 61 anos, foi assassinado com 13 facadas após realizar um programa sexual com uma mulher, 22, na sua casa, em Araguari (MG). O namorado da moça, 33, foi preso e indiciado por ter matado o idoso e roubado um botijão de gás da residência. As informações são do O Tempo.

Segundo as investigações, o homem esperou a namorada sair da casa do cliente após o programa sexual. Ele e idoso teriam divergido a respeito do valor do serviço. Em um determinado momento, o homem matou a vítima a facadas.

Na sequência, o casal revirou a residência do idoso à procura de dinheiro. Como não encontrou, resolveu levar o botijão de gás.

Depois de quatro dias, o idoso foi encontrado morto dentro da sua casa. No dia 24 de junho, o namorado da mulher foi indiciado e segue detido no sistema prisional. A Polícia Civil constatou que ele é usuário de drogas e já possuía passagens por roubo, furto e tráfico.