Giro

Mesmo sem obrigatoriedade, há quem se mantenha fiel às máscaras

Crédito: Fernando Frazão/Agência Brasil

As máscaras não são mais obrigatórias no País (Crédito: Fernando Frazão/Agência Brasil)



Por dois anos, as pessoas se adaptaram ao uso das máscaras faciais, diante do risco de contaminação pelo novo coronavírus. No entanto, pouco mais de um mês após o fim da obrigatoriedade no Estado de São Paulo – com exceção do transporte público e serviços de saúde – já é possível observar que a maior parte da população decidiu deixar de lado a proteção. Mas alguns ainda resistem e continuam usando a proteção. Dentro desse grupo fiel estão gestantes, idosos e pessoas ainda receosas com novas ondas da covid-19.

Desde o início de 2020, a secretária Carla Broisler Oliver, de 40 anos, aderiu ao uso e afirma que não pretende deixar de usar a máscara tão cedo. Decisão que também vale para seus familiares. “Desde que soube dos primeiros casos começamos a usar as máscaras. Hoje, mesmo estando com as três doses da vacina, acho que ainda não é seguro deixar de usar. Embora seja opcional, minha filha de 10 anos também está usando a proteção na escola, mesmo estando com duas doses da vacina. O que me deixa insegura é que muitas crianças que poderiam estar vacinadas ainda não estão, por opção dos pais. Acredito que é preciso acompanhar um pouco mais a situação da doença no País”, afirma.

+ Mortes por covid aumentam em Xangai e Pequim fala de ‘situação difícil’

No escritório onde trabalha na Avenida Paulista, no bairro Cerqueira Cesar, o uso já é opcional, mesmo assim Carla continua com a proteção. “A maioria decidiu pela retirada. Mesmo indo apenas duas vezes na semana ao trabalho, não me sinto segura em tirar”, disse.




A aposentada Jeanete Nishio, de 72 anos, também mantém a rotina. “Uso a máscara desde que saio de casa para descer o elevador. Uso no supermercado e academia. Apenas tiro durante as caminhadas que faço ainda no início da manhã, horário que não tem ninguém na rua”, disse.

Grávida de 21 semanas, a auxiliar de coordenação pedagógica Aline Socorro Creste Aguila, de 39, pretende continuar usando a máscara até a realização do parto no fim de agosto. “Tomei a terceira dose, e mesmo assim pretendo manter os cuidados”, disse.

Na escola infantil onde Aline trabalha, na zona leste paulistana, todos os funcionários optaram pela continuidade do uso dentro das salas de aula, já que muitas crianças, menores de 5 anos, ainda não têm idade para serem imunizadas. “Quanto às crianças, algumas famílias ainda preferem que elas usem”, afirmou.


Insegura pela falta de testagem em massa e gratuita, a gerente de recursos humanos Marcela Nishio, de 37, ainda pretende continuar usando a máscara. “Tem pessoas que ficam observando, mas eu não ligo. Estou pensando em mim e na minha família. Também tem meu filho de 2 anos que ainda não pode ser vacinado.”

Auxiliar em escritório, Simone Ferreira, de 48, tem diabete. Em razão da saúde e cuidados com a família mantém o uso da máscara. “Até acho estranho entrar em lugares como shoppings e supermercados e ver pessoas sem máscaras. Para mim a decisão de liberar o uso ainda é precipitada”, avaliou.

Mesma opinião tem a dona de casa Lígia Silvate, de 41 anos. Segundo ela, ainda há receio de pegar a doença. “Não acho seguro ir ao supermercado e mesmo andar na rua sem a máscara”, disse. “Já faz parte da minha rotina. Inclusive, mesmo no futuro, se estiver gripada, por exemplo, vou colocar máscara.”

Segurança

Muitas pessoas, porém, já se sentem seguras em não usar a proteção. O carregador Cláudio Zink, de 40 anos, que trabalha no Terminal Rodoviário Barra Funda, na zona oeste da cidade, já deixou de usar e observa que somente idosos e gestantes têm mantido o uso. “Idosos e grávidas ainda usam bastante. Vejo que muita gente já não usa. Eu parei de usar, logo após a flexibilização. Hoje uso apenas em locais obrigatórios”, disse.

Na família, todos também decidiram parar de usar. Mesma decisão tomou Vanessa Pagaguinan, de 27. “Na minha família apenas os idosos ainda estão usando.”

A Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) recomenda o uso para parte da população, entre elas idosos acima de 60 anos, em especial aqueles que tenham doenças crônicas, imunossuprimidos, gestantes, pessoas com sintomas de covid e não vacinados.

Também aconselha que a proteção seja mantida em locais abertos e fechados com aglomerações. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.






Tópicos

4ª dose combate o quê? 4ª dose israel 4ª dose necessária 4ª dose vacinas adolescentes e crianças covid Aedes aegypti Alemanha flexibilizações restrições Ana Helena Germoglio anticorpo monoclonal anticorpos covid sintomas anticorpos infectados nova infecção anticorpos monoclonais Anvisa anvisa covid-19 assintomática omicron assintomatico transmite omicron astrazeneca trombose autoteste coronavírus autotestes covid-19 AVC aviões Brasil casos Cepa colombiana cepa colombiana é mais letal? cepa delta chikungunya china aprova tratamento chuvas ciência Como ocorre a transmissão da COVID-19? congestão nasal consórcio coração coriza coronavírus coronavírus alimentação coronavírus animais coronavírus estudos coronavírus soja corticoides covid covid covid anticorpos covid antiviral medicamento covid deixa sequelas? covid em idosos covid longa covid longa omicron covid medicamentos covid passa para animais covid remédios covid restrições covid risco cardíaco covid tratamento covid tratamentos Covid variantes Covid-19 covid-19 brasil covid-19 brasil 2022 covid-19 casos brasil covid-19 recorde brasil dengue doenças doenças virais dor de cabeça dor de garganta dor muscular dor no corpo Eduardo Paes efeitos permanentes espirros Estado de São Paulo estudo Londres EUA europa ainda tem restrições? fadiga falta de ar febre fim da obrigatoriedade de máscaras Fortes chuvas gorilas com covid identificar idosos têm que tomar 3ª dose? imprensa imunização imunizados naturais imunizados têm que usar máscaras infecções infectados imunizados infectologista infectologista Ana Helena Germoglio influenza João Doria King College lentidão vacinação Rússia letargia liberação de máscaras locais abertos liberação de máscaras locais fechados Londres mal estar manutenção máscara vacina máscaras máscaras vacina OMS medicamento anticovid MSD dinamarca medicamento MSD covid medicamentos para covid omicron mosquito Aedes aegypti nariz entupido O que é a subvariante BA 2 do COVID-19? o que é trombose o que funciona covid O que tomar para a variante Ômicron da COVID-19? omicron omicron quantos dias de isolamento Ômicron reinfecção ômicron subvariante ônibus pandemia perda de olfato perda de paladar pets têm covid? pilula contra covid pode haver duas infecções diferentes População brasileira posso me infectar depois de vacinado? Posso não apresentar sintomas da COVID-19 Prevenir primeiros sintomas omicron principais sintomas da ômicron principais sintomas ômicron problema do coração quais cidades liberaram o uso de máscaras? quais os sintomas da omicron a nova variante Quais são os principais cuidados para evitar a contaminação familiar de COVID-19? Qual o intervalo de tempo para que seja considerado reinfecção por COVID-19? qual o pico de transmissão da ômicron? alcool gel Qual o tempo de incubação da COVID-19? qual os sintomas da omicron Qual país tem mais infectados? qual remedio tomar para covid omicron quando vou deixar de usar máscara? quantas doses já foram aplicadas? Quanto tempo a COVID-19 permanece ativo em diferentes superfícies? Quanto tempo de isolamento pela variante Ômicron de COVID-19? quanto tempo dura os sintomas da omicron quanto tempo duram os anticorpos quanto tempo duram os sintomas? quantos dias duram os sintomas da omicron Quantos dias é o isolamento pela COVID-19? Quantos dias para aparecer os sintomas da Omicron? quantos faltam vacinar? quantos vacinados tem o Brasil? que alimentos inibem o coronavírus Que máscara uma pessoa que suspeita ter COVID-19 deve usar? quem deve tomar 3ª dose? recorde casos covid-19 regiões do Brasil reinfecção reinfecção coronavírus reinfeccao omicron remédios para covid omicron rio afrouxa restrições praias rio restrições Rio de Janeiro Rio de Janeiro liberação de máscaras risco cardíaco risco de de doenças virais RJ restrições Rússia Rússia confinamento Rússia recorde de mortes São Paulo São Paulo liberação de máscaras saúde sequelas covid sinais e sintomas da omicron sintomas sintomas da dengue sintomas da omicron em vacinados sintomas de gravidez sintomas ômicron sintomas pós covid omicron super imunes covid superanticorpo superimunes covid superimunes genes teste covid farmacia testes tosse transmissão adolescentes crianças tratamento anticorpos monoclonais china tratamento covid longa Sus tratamento para covid omicron tratamento pós-covid Sus tratamento sequelas covid sus tratamentos tratar as doenças trens trombose vacina idosos UnitedHealth Group vacina 3ª dose vacina da Pfizer vacina duas doses protege mais que a de dose única? vacina já sp vacina reinfecção vacina risco de trombose vacina sp 3 dose vacina sp astrazeneca vacina sp cadastro vacina sp calendario vacina sp fila vacina sp idade vacina sp locais vacina sp pfizer vacina sp sabado vacina sp terceira dose vacina trombose vacinação vacinação adolescentes vacinação nacional vacinados infectados imunidade Variante cama variante delta variante delta países variante delta volta Variante gama é perigosa? variante gama Manaus Variante Gamma variante omicron ba 2 variante omicron é mais letal variante omicron letalidade variante omicron mortes variante omicron no brasil variante omicron no brasil sintoma variante omicron sintomas variante omicron sp variante omicron vacina verão vírus vírus da influenza zika