Finanças

Merrill Lynch é investigado por danos de US$ 200 milhões a clientes

Crédito: Reprodução/Merrill Lynch

Segundo fontes próximas à investigação, conforme reportagem da CNBC, o banco está negociando um acordo. No entanto, um porta-voz do Merrill Lynch disse que a empresa "não comenta a existência de consultas regulatórias" (Crédito: Reprodução/Merrill Lynch)

O governo do Estado de New Hampshire, nos Estados Unidos, está investigando o banco especializado em investimentos Merrill Lynch e pelo menos um ex-corretor de primeira linha sobre reclamações de clientes por suposta má conduta. No total, as supostas manobras teriam resultado em perdas de US$ 200 milhões (cerca de R$ 1 bilhão no câmbio de hoje).

Segundo fontes próximas à investigação, conforme reportagem da CNBC, o banco está negociando um acordo. No entanto, um porta-voz do Merrill Lynch disse que a empresa “não comenta a existência de consultas regulatórias”.

+ Bank Of America Merrill Lynch leva multa de US$ 45,5 milhões no Reino Unido
+ Regulador multa Merrill Lynch em US$ 20 mi por erros em reportar transações 

De acordo com o documento que a CNBC teve acesso, as alegações incluem comércio excessivo, comércio não autorizado, sobrecarga de comissões, falha na supervisão e violação do dever fiduciário.

Os clientes que teriam sido prejudicados são Craig Benson, governador de New Hampshire de 2003 a 2005, e Robert Levine, parceiro de negócios do político. Eles construíram sua riqueza juntos e co-fundaram a Cabletron Systems, especializada em equipamentos de rede de computadores.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?