Economia

Merkel prevê que negociações sobre fundo de recuperação serão muito difíceis

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, previu nesta sexta-feira que serão “muito difíceis” as negociações durante a reunião de cúpula de líderes da União Europeia (UE) para discutir a criação de um fundo de recuperação destinado aos países do bloco mais afetados pela pandemia de coronavírus.

“Preciso dizer que as diferenças ainda são muito, muito grandes e não tenho certeza de que podemos chegar a uma decisão desta vez”, disse Merkel, antes de se encaminhar para a reunião.

Líderes da UE vão se reunir hoje e amanhã para debater uma proposta da Comissão Europeia de estabelecer um fundo de recuperação no valor de 750 bilhões de euros.

A aprovação do fundo exige consentimento de todos os 27 países da UE. Também antes de ir para a reunião, o primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, disse ver “menos de 50% de chances” de a proposta ser aprovada neste fim de semana.



Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km