Ciência

Merkel diz que 70% da população alemã pode ser infectada pelo coronavírus

Crédito: AFP

(Arquivo) A chanceler alemã, Angela Merkel (Crédito: AFP)


A chanceler alemã, Angela Merkel, disse que as autoridades acreditam que 60% a 70% da população acabará sendo infectada pelo coronavírus.

Segundo a CNN, Merkel participou de uma coletiva de imprensa sobre o vírus, em Berlim, junto com o ministro da Saúde da Alemanha, Jens Spahn. A chanceler indicou que é importante não sobrecarregar o sistema de saúde alemão.

+ Com segundo caso de coronavírus no DF, Brasil já tem 35 pacientes infectados
+ Em apenas dois meses, coronavírus deixou a economia mundial de joelhos

Ela observou que todos os países europeus foram afetados, enviando seus pensamentos especiais à situação enfrentada pela Itália, que passa por uma quarentena severa.

Até o momento, a Alemanha já confirmou mais de 1,6 mil casos de pessoas infectadas pelo coronavírus, sendo que três pessoas foram mortas. A principal economia da União Europeia é o sétimo país com mais casos confirmados no mundo.

Merkel pediu que os países se concentrem e apoiem os centros de pesquisa, acrescentando que a Alemanha lidaria com a crise de maneira descentralizada.

“Estamos em uma situação em que não sabemos muitas coisas, e o que não sabemos, precisamos levar a sério”, disse a chanceler.