Economia

Mercado italiano de carros novos despenca em abril

Mercado italiano de carros novos despenca em abril

Fábrica da marca de carros de luxo italiana Lamborghini, onde um funcionário retoma o trabalho na linha de produção em 4 de maio de 2020, em Sant'Agata Bolognese - Lamborghini/AFP

O número de emplacamentos de carros na Itália caiu 97,55% em abril em comparação com o ano passado, com apenas 4.279 unidades emplacadas em plena crise do novo coronavírus, anunciou nesta segunda-feira (4) o ministério italiano dos Transportes.

Em março, a queda tinha sido de 85,42% comparativamente com o ano passado.

Venda de veículos novos cai 75,9% em abril e tem pior quadrimestre desde 2006

O mercado de seminovos também despencou 93,60% em abril, após cair 62,33% em março.



“Se consideramos que os emplacamentos de abril representam cerca de 9% dos de um ano inteiro, ao projetar estas cifras em um ano, teremos um volume análogo ao de 1949”, estima o Centro de Estudos Promotor, admitindo o caráter excepcional das cifras de março e de abril relacionadas com a paralisação das linhas de montagem pela pandemia do novo coronavírus.

Este centro destaca que o índice de confiança das concessionárias de veículos, que abriram as portas nesta segunda-feira na Itália, está no nível mais baixo.

“Para voltar à normalidade falta uma tratamento de choque”, concluiu Gian Primo Quagliano, presidente do Promotor, que insiste na importância dos incentivos para promover a compra de veículos novos tradicionais.

O mercado automobilístico italiano está em dificuldades há dois anos. Os emplacamentos caíram 3,11% em 2018, antes de melhorar 0,29% em 2019.

O setor, que conta sobretudo com Fiat Chrysler (FCA), assim como as marcas de luxo Ferrari, Lamborghini e Alfa Romeo e muitos fabricantes de componentes, representa 5,6% do PIB italiano e emprega 250.000 pessoas, segundo um relatório do centro de estudos da Fondazione Ergo, publicado em 2019.

O grupo FCA anunciou nesta segunda uma queda de 96,3% de suas vendas em abril.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago