Geral

MEC quer que as particulares possam revalidar diplomas

O MEC quer alterar a Lei de Diretrizes e Bases (LDB) para que o reconhecimento de diplomas estrangeiros possa ser feito também por universidades particulares. Hoje só as públicas federais, com curso de mesmo nível e área equivalente, têm competência legal. Segundo Arnaldo Lima, secretário de Educação Superior, essa análise é “devagar e complexa” e se aproveitou a “janela de oportunidades” criada pela proposta do Future-se.

“É a complementaridade entre o setor público e privado para que a gente possa trazer professores visitantes internacionais e, para isso, a gente precisa que os diplomas sejam revalidados. É um absurdo que se autorize uma faculdade a conceder diplomas e formar alunos, mas não possa revalidar um diploma. É discussão do século 18”, disse Lima ontem, durante o 3º Congresso Internacional de Jornalismo de Educação.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.