Economia

Marinho: ainda é possível votar Previdência no plenário na próxima semana

Apesar dos imbróglios envolvendo a Previdência de categorias da segurança pública, o secretário especial da Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, disse na tarde desta quinta-feira, 4, que é possível aprovar a reforma da Previdência na próxima semana no plenário da Câmara. Para isso é necessário que haja votos suficientes para a aprovação em dois turnos. “Dá tempo de votar no plenário na semana que vem”, disse.

Marinho disse que desde a manhã está sendo feito um trabalho para que todos os destaques apresentados na comissão sejam derrubados e, desta forma, se mantenha o texto apresentado pelo relator. “Esperamos que os que tenham propostas diferentes que façam democraticamente”, disse.

Marinho afirmou que a reforma passou a ser uma pauta do País. Questionado se o apoio do presidente Jair Bolsonaro a mudanças para uma determinada categoria não atrapalhava o trabalho da equipe econômica, ele disse que ele tem ajudado, mas que o “presidente tem direito a ter sua opinião”.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel