Economia

Mansueto é exonerado e Bruno Funchal é nomeado para o comando do Tesouro

A exoneração de Mansueto Almeida do cargo de secretário do Tesouro Nacional foi confirmada na edição desta quarta-feira, 15, do Diário Oficial da União. A saída foi anunciada em junho deste ano. Foi nomeado para o seu lugar o economista Bruno Funchal, que ocupava até então o posto de diretor de Programas do Ministério da Economia e é ex-secretário da Fazenda do Espírito Santo.

Com isso, Funchal foi exonerado da função que vinha exercendo. Os atos de pessoal foram assinados pelo ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto.

No começo do mês, Mansueto Almeida reafirmou que não deve haver mudanças de trajetória no comando do Tesouro. “Não haverá mudanças na política fiscal brasileira. O plano de consolidação fiscal do Brasil está na Constituição, e o Brasil não vai mudar a Constituição”, disse, em videoconferência organizada pelo Itaú BBA. A exoneração de Mansueto, segundo consta no Diário Oficial, ocorreu “a pedido”.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?