Política

Manifestantes protestam contra privatização da Cedae em frente à Alerj

Aproximadamente 500 manifestantes se reuniam em frente à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) no final da manhã desta segunda-feira, 20, a maioria com camisetas da Companhia Estadual de Águas e Esgoto (Cedae). Eles protestam mais uma vez contra o projeto que prevê a privatização da estatal.

A medida é uma exigência do governo federal para liberar o Estado do Rio do pagamento de dívidas com a União pelo prazo de três anos. Os manifestantes fecharam a Avenida Presidente Antônio Carlos. A Polícia Militar acompanha o protesto, que até por volta das 11h45, ocorria sem nenhum registro de tumulto.

O texto-base do projeto de lei que autoriza a privatização da Cedae foi aprovado nesta segunda-feira, na Alerj. O governo Luiz Fernando Pezão (PMDB) conseguiu a aprovação por 41 votos a favor e 28 contra – um deputado não votou.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

Tópicos

Alerj crise rio