Economia

Macron fará ligação com Joe Biden para tratar da crise dos submarinos, diz porta-voz francês

Por Gus Trompiz

PARIS (Reuters) – O presidente francês Emmanuel Macron fará uma ligação com o presidente dos EUA, Joe Biden, nos próximos dias, disse o porta-voz do governo francês neste domingo, em meio a uma crise diplomática desencadeada pelo cancelamento pela Austrália de um contrato de fornecimento de submarinos com Paris.

A França disse na sexta-feira que estava chamando de volta seus embaixadores de Washington e Canberra por conta de um acordo de segurança trilateral envolvendo também a Grã-Bretanha, que acabou por cancelar a encomenda multibilionária de submarinos franceses.

“O presidente Biden pediu para falar com o presidente da República e haverá uma conversa telefônica nos próximos dias entre o presidente Macron e o presidente Biden”, disse o porta-voz Gabriel Attal ao canal de notícias BFM TV.



A França buscará “esclarecimentos” sobre o cancelamento do acordo de submarinos, disse Attal.

O cancelamento do contrato, fechado em 2016, causou fúria em Paris, que afirma não ter sido consultada por seus aliados. O governo australiano, no entanto, diz que deixou claras suas preocupações durante meses.

Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km