Negócios

Lufthansa volta a colocar metade de sua frota em serviço

Lufthansa volta a colocar metade de sua frota em serviço

Aviões da Lufthansa no aeroporto Franz-Josef-Strauss, de Munique, em 27 de maio de 2020 - AFP/Arquivos

A companhia aérea alemã Lufthansa colocará metade de sua frota em serviço como parte da retomada gradual do tráfego, interrompido pela pandemia de coronavírus, anunciou a empresa nesta segunda-feira (29).

“As fronteiras reabrem progressivamente e a demanda aumenta, a curto e médio prazo. Consequentemente, estamos ampliando nosso plano de voo, e continuamos nossa reativação”, disse a Lufthansa em comunicado.

+ Comissão Europeia aprova plano de ajuda alemão para a Lufthansa
+ Lufthansa e sindicatos fecham acordo que reduzirá custos em € 500 milhões 

“Isso significa que metade da frota do grupo voltará a voar, ou seja, 200 aviões a mais”, acrescentou.

Depois de estacionar quase todas as suas aeronaves durante o pico da crise de coronavírus em março, a empresa voltará a trabalhar com 380 aviões em serviço.

A Lufthansa já retomou algumas conexões em junho, mas sua oferta nos próximos meses não excederá 40% do que estava previsto antes da pandemia.

De agora em diante, até o final de outubro, a companhia planeja propor 90% de suas viagens de curto e médio alcance e 70% de seus trajetos longos.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança