Giro

Luciano Hang e Carlos Wizard criam abaixo-assinado para vacinar funcionários

Crédito: Reprodução / Facebook

Os empresários querem o entendimento do Congresso Nacional para mudar a lei que libera a compra de vacinas pela iniciativa privada (Crédito: Reprodução / Facebook)

Os empresários Luciano Hang, dono da varejista Havan, e Carlos Wizard, da holding Sforza, lançaram um abaixo-assinado para conseguir comprar vacinas contra a covid-19 e imunizar seus funcionários.

A ação visa pressionar o Congresso Nacional para mudar a lei que libera a compra de vacinas pela iniciativa privada, desde que os imunizantes sejam doados para o Sistema Único de Saúde (SUS).

+ UE está ‘tomando medidas’ por atrasos na entrega de vacinas da AstraZeneca

De acordo com matéria do jornal Estado de S. Paulo, eles querem que a legislação permita a compra de imunizantes pelas empresas, mas sem a obrigatoriedade de doação ao sistema público de saúde. O grupo afirmou ainda que a intenção não é furar a fila do grupo prioritário.



Para os empresários, a iniciativa não vai interferir na demanda mundial de vacinas. Eles afirmam que já conseguiram 1 milhão de doses de vacinas que poderiam chegar ao Brasil em 30 dias. O objetivo dos empresários é se reunir com o novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para discutir o assunto.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago