Giro

Live semanal oferece apoio gratuito para pacientes com câncer e familiares

Depois de quase um ano de pandemia, muitos pacientes com câncer postergaram seus tratamentos ou diagnósticos com medo de contrair o novo coronavírus. Diante disso, as ferramentas de comunicação online foram – e ainda são – imprescindíveis para tirar dúvidas da população. Pensando nisso, o Instituto Oncoguia decidiu fazer “lives” semanais gratuitamente para conversar com pacientes e familiares.

O objetivo é ajudar as pessoas a lidarem com a ansiedade, o medo, a tristeza e o cansaço diante de um diagnóstico e tratamento de câncer. O projeto “Rodas de Conversas – Falando sobre sentimentos em tempos de coronavírus” ocorre todas as quintas-feiras, das 16h30 às 18h30, e é preciso fazer inscrição diretamente no link. Os participantes conversam com psico-oncologistas integrantes do Comitê de Saúde Emocional do Oncoguia.

“É um espaço para que pacientes e familiares possam trabalhar e cuidar de seus medos, preocupações e juntos possamos olhar com atenção e carinho para estas questões”, afirma a fundadora e presidente do Oncoguia, a psico-oncologista Luciana Holtz. “A experiência foi tão rica e importante durante 2020, que decidimos ampliar o projeto e agora teremos espaços separados, afinal os familiares têm demandas muito únicas e agora terão uma sala só pra eles”, acrescenta.

A atividade acontece em duas salas separadas, uma só para pacientes e outra só para familiares. As vagas são limitadas e gratuitas. Para participar, basta inscrever-se no portal do Oncoguia. Confira o link abaixo:

(http://www.oncoguia.org.br/conteudo/rodas-de-conversa/13545/1204/)

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel