Giro

Justiça britânica anunciará sentença sobre extradição de Assange em 4 de janeiro

Justiça britânica anunciará sentença sobre extradição de Assange em 4 de janeiro

Julian Assange foi preso em abril de 2019 após passar sete anos refugiado na embaixada equatoriana, justamente por medo de ser extraditado aos Estados Unidos - AFP/Arquivos

A Justiça britânica anunciará, em 4 de janeiro, sua decisão sobre o pedido de extradição de Julian Assange, feito pelos Estados Unidos, que quer julgar o fundador do Wikileaks pela divulgação de centenas de milhares de documentos confidenciais, anunciou a juíza encarregada do caso nesta quinta-feira (1o).

O ativista australiano, de 49 anos, permanecerá preso até então, afirmou a juíza Vanessa Baraitser, após quatro semanas de audiências no Tribunal Penal de Old Baley, em Londres.

A Justiça americana quer julgar o australiano por espionagem. Ele pode ser condenado a 175 anos de prisão pela divulgação, a partir de 2010, de mais de 700.000 documentos classificados sobre as atividades militares e diplomáticas americanas, especialmente no Iraque e Afeganistão.

Assange foi preso em abril de 2019 após passar sete anos refugiado na embaixada equatoriana, justamente por medo de ser extraditado aos Estados Unidos.

A juíza britânica deve analisar agora se a extradição do ativista é proporcional ou compatível com os direitos humanos.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?