Economia

Juncker diz que é “injusto” atacar a independência de bancos centrais

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, disse nesta quarta-feira que é “injusto” atacar a independência de bancos centrais durante pronunciamento no terceiro e último dia do fórum anual do Banco Central Europeu (BCE), em Sintra, Portugal.

A fala de Juncker veio um dia depois de o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticar o presidente do BCE, Mario Draghi, por ter sugerido hora antes que a instituição poderá voltar a cortar juros e comprar ativos se a perspectiva econômica da zona do euro não melhorar.

Segundo Trump, estímulos adicionais fazem com que seja “injustamente mais fácil” para a Europa competir com os EUA, diante da tendência de enfraquecimento do euro. Em resposta ontem mesmo a Trump, Draghi disse que o BCE “não mira a taxa de câmbio”.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago