Giro

Japão projeta estação espacial futurista em Tóquio

Crédito: Divulgação

Espaço futurista do Spaceport será todo integrado ao movimento da cidade de Tóquio (Crédito: Divulgação)

Projetado para servir como base de lançamento de turistas em viagens espaciais, o Spaceport City, em Tóquio, chama atenção pelo visual futurista, com espaços ondulados e duas torres cilíndricas espelhadas que servirão de local para diversas atividades relacionadas à vida fora da Terra.

O Spaceport foi projetado pela Noiz Architects em conjunto com a Canaria, uma empresa de designers, a Dentsu, companhia de comunicações, e a organização Spaceport Japan. Segundo a CNN, a ideia do local é criar toda uma ambientação espacial e promover aos clientes uma verdadeira experiência espacial – ou o que se imagina dela.

+ Satélites de Elon Musk devem operar internet nos EUA nesta semana
+ Blue Origin faz novo teste de foguetes para voos turísticos
+ Astronauta votou em eleição dos EUA no espaço

Será um local de uso misto, com instalações de pesquisas e negócios, um local de estudos, lojas, hotel, restaurante com comidas de astronauta, um cinema 4D IMAX, museu de arte, ginásio, aquário e pista de dança. Tudo isso com visual e temática espacial.



A projetista Urszula Kuczma disse que o “espaçoporto” será integrado por uma rede de pontes que transportam carros elétricos e trens autônomos, ligando a ilha flutuante na baía de Tóquio com a cidade japonesa.

O projeto detalha melhor como serão os andares das torres espelhadas do Spaceport Japan
O projeto detalha melhor como serão os andares das torres espelhadas do Spaceport Japan (Crédito:Divulgação)

Além disso, a visão de futuro dos idealizadores do projeto abandona aquela ideia de lançadores de foguetes verticais, como os que conhecemos agora. No futuro da Tóquio idealizada, os aviões espaciais sairão da Terra como qualquer outro avião: horizontalmente. Empresas como a Blue Origin, do magnata e dono da Amazon, Jeff Bezos, além da Virgin Galactic, já trabalham em projetos de aviões suborbitais para o turismo espacial.

No caso da Virgin, um desses aviões deve ser lançado ao espaço ainda no ano que vem e cerca de 600 tripulantes estão inscritos para o voo por uma quantia de US$ 250 mil por assento e 90 minutos a 80 quilômetros da Terra.

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago