Edição nº 1129 12.07 Ver ediçõs anteriores

James Delivery já responde por 40% dos pedidos on-line do GPA

James Delivery já responde por 40% dos pedidos on-line do GPA

Criada em Curitiba em 2016 e comprada no fim do ano passado pelo GPA, que controla as redes Extra e Pão de Açúcar, o app James Delivery começou a atuar há apenas dois meses em São Paulo e já responde por 40% dos pedidos on-line das 14 lojas atendidas na cidade. O sucesso acelerado levará à ampliação da cobertura para 100% da rede no município e outras dez cidades no estado. A qualidade do serviço, ponto crítico no segmento, parece acompanhar a aceitação. No site ReclameAqui, a nota do app (7,0) é superior à avaliação de similares, como Loggi (5,6) e Rappi (6,1), e próxima à do Glovo (7,2). Ao adquirir o James, o objetivo do GPA foi complementar seus demais sistemas de delivery com uma solução last mile (de entregas em até uma hora).

(Nota publicada na Edição 1126 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Bill Gates revela o segredo de Steve Jobs: feitiços

Bill Gates soltou a língua. Há duas semanas resolveu dizer numa entrevista qual foi o maior de todos os erros que cometeu na carreira [...]

Por violação de dados, British Airways é multada em US$ 230 milhões

O Information Commissioner’s Office (ICO), agência que trata da proteção de dados e informações no Reino Unido, aplicou uma multa [...]

Robô enfermeiro supre demanda nos EUA

Dados do escritório de estatísticas de trabalho dos Estados Unidos mostram que a profissão de enfermeiro está em alta no país e que [...]

Informação online

(Nota publicada na Edição 1129 da Revista Dinheiro)

US$ 500.000

Este é o valor do prejuízo causado por hackers a cerca de 900 clientes da rede 7-Eleven Japan por meio de ataque a um aplicativo de pagamentos recém-lançado pela empresa. O serviço foi suspenso e os clientes serão ressarcidos. (Nota publicada na Edição 1129 da Revista Dinheiro)

Ver mais