Negócios

Itaú justifica à CVM compra de corretora no Paraguai sem aviso de fato relevante

Crédito: Reprodução/Itaú

O banco Itaú Unibanco informou nesta quinta-feira, 23, em resposta a um questionamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) (Crédito: Reprodução/Itaú)

O banco Itaú Unibanco informou nesta quinta-feira, 23, em resposta a um questionamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), conversas para aquisição da corretora Verbank Securities no Paraguai.

De acordo com o banco, “estão em andamento os procedimentos para negociação e celebração de contrato de compra e venda da corretora”, que em março deste ano possuía ativos de US$ 424 mil e patrimônio líquido de US$ 413,7 mil. Segundo o Itaú Unibanco, a Verbank não tem clientes ativos no momento, e opera somente mesa proprietária.

+ Bradesco, Itaú e Santander lançam plano para a Amazônia
+ Itaú coloca para leilão 32 imóveis com preços bem abaixo do mercado 

“Portanto, o Itaú Unibanco entende não se tratar de fato relevante, tendo em vista que a referida transação é imaterial, que ela não se enquadra no rol exemplificativo do artigo 2º, da Instrução CVM 358, e que tampouco tem a capacidade de influir de modo ponderável na cotação dos valores mobiliários de emissão da companhia aberta ou na decisão dos investidores de comprar, vender ou manter aqueles valores mobiliários”, disse o banco, em comunicado.

A compra da corretora foi tema de reportagem no jornal Valor no dia 21. A CVM questionou o Itaú Unibanco a respeito e ameaçou multar o banco em R$ 1 mil caso não fosse apresentada justificativa até a data de hoje.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel