Economia

Indústria têxtil perdeu 49 mil vagas em três anos em SP, diz sindicato

O setor têxtil e de confecção no Estado de São Paulo registrou uma perda de 49 mil postos de trabalho nos últimos três anos, de acordo com levantamento do Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem do Estado de São Paulo (Sinditêxtil-SP). Com o enxugamento, o setor saiu de quase 530 mil vagas em 2013 para 482 mil ao final de 2016.

A expectativa do sindicato, porém, é mais otimista para 2017. A projeção é de uma retomada na geração de empregos, embora insuficiente para compensar a redução dos últimos anos. O Sinditêxtil acredita na criação de 3 mil postos de trabalho em 2017.

O setor em São Paulo faturou R$ 28,3 bilhões no ano passado, praticamente estagnado ante os R$ 28 bilhões de 2015. A estimativa é de um crescimento em 2017 para R$ 30 bilhões.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel