Economia

Indicador Sensor, da Fiesp, avança e fecha fevereiro aos 51 pontos

A indústria de transformação paulista continuou a crescer em fevereiro, conforme mostra a Pesquisa Sensor da Fiesp e do Ciesp, ainda que com alguma perda de ritmo quando comparado aos últimos meses. O indicador Sensor de fevereiro, divulgado nesta sexta-feira, 26, pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), fechou em 51 pontos, na série com ajuste sazonal, resultado superior ao de janeiro, de 50,5 pontos. Números acima dos 50 pontos indicam melhora da atividade industrial paulista no mês.

O indicador de condições de Mercado melhorou em relação ao mês anterior, passando de 47,4 para 49,9 pontos em fevereiro.

Como o indicador está muito próximo dos 50 pontos, aponta estabilidade das condições de mercado no período.

Já as Vendas indicam continuidade do crescimento ao registrar 52,1 pontos ante os de janeiro (52,2 pontos). Ao permanecer acima de 50 pontos, indica expectativa de aumento das vendas no mês em relação ao anterior.

Este mês, o indicador de nível de Estoque passou de 53,2 pontos em janeiro para 50,8, ficando mais próximo do nível desejado. Leituras superiores a 50 pontos sinalizam estoque abaixo do desejável, ao passo que inferiores a 50 pontos indicam sobrestoque.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel