Economia

Indicador da produção industrial do RJ sobe para 47,5 pontos em junho, diz Firjan

O indicador de volume de produção da Sondagem Industrial do Rio de Janeiro subiu de 39,9 pontos em maio para 47,5 pontos em junho, informou a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). Em decorrência da crise provocada pela pandemia do novo coronavírus, o indicador tinha descido a 25,8 pontos em abril, pior patamar da série histórica da pesquisa iniciada em 2010.

O indicador da Sondagem Industrial varia de zero a cem pontos: resultados acima de 50 pontos representam melhora ou otimismo e, abaixo, piora ou pessimismo.

Em junho, o indicador de produção foi mais elevado para as empresas de grande porte, 52,6 pontos, retornando ao patamar positivo após quase dois anos abaixo dos 50 pontos. As pequenas indústrias também tiveram melhora, para 41 pontos, enquanto as médias avançaram para 44,9 pontos.

Os resultados sinalizam queda menos intensa da atividade industrial fluminense por conta da retomada das atividades que estavam paralisadas diante da pandemia do coronavírus, afirmou a Firjan, em nota.

O nível de utilização da capacidade instalada foi de 58% em junho, aproximando-se da média histórica de 64,3%, após resultados mais baixos em abril (47%) e maio (49%). No entanto, os empresários industriais fluminenses permanecem insatisfeitos com a sua situação financeira (36,7 pontos), margem de lucro das empresas (34,7 pontos) e acesso ao crédito (29,6 pontos).

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel