Giro

Índia registra recorde mundial de casos de coronavírus em 24 horas

Crédito: AFP

Funcionários de crematório perto de ambulâncias que transportam vítimas da covid-19 em Nova Délhi (Crédito: AFP)

A Índia anunciou nesta quinta-feira (22) que registrou quase 315.000 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas, o que representa um recorde mundial, no momento em que os hospitais de Nova Délhi enfrentam escassez de oxigênio.

O ministério da Saúde indiano informou nesta quinta-feira que o país contabilizou 314.835 novos casos em apenas um dia, o maior balanço em 24 horas registrado até agora por um país.

Covid-19: polícia investiga empresa por fraude em oferta de vacina

Desde o início da pandemia, a Índia registra 15,9 milhões de infectados, o que significa que é a segunda nação com o maior número de casos, atrás apenas dos Estados Unidos.

Nas últimas 24 horas o país também registrou 2.074 mortes, o que eleva o balanço oficial da epidemia no país a quase 185.000 vítimas fatais.

O número de casos e mortes na proporção por sua população, no entanto, continua sendo consideravelmente menor na Índia que em vários países.

A segunda onda da covid-19, atribuída sobretudo a uma “dupla mutação” do vírus e a várias aglomerações que favoreceram a contaminação, demonstrou a crise no sistema de saúde indiano.

Vários hospitais e clínicas de Nova Délhi fizeram um apelo desesperado ao governo central para que proporcione urgentemente oxigênio a centenas de pacientes em estado grave.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel