Imóveis em alta

Imóveis em alta

Com mais de R$ 500 bilhões em imóveis anunciados para venda, o portal Imovelweb estima crescer mais de 20% em faturamento neste ano em relação a 2019. O portal, que pertence ao grupo argentino Navent, atribui a expansão a uma combinação de fatores: Selic baixa, inflação sob controle e a retomada da economia. Segundo o CFO da empresa, Tiago Galdino, a queda do custo efetivo total (CET) do crédito imobiliário da faixa de 13% para 8% ao ano pode até triplicar a base de famílias com acesso ao mesmo financiamento. “Aumentar a parcela financiável para 90%, por exemplo, oxigena o mercado, uma vez que amplia bastante a base de pessoas com acesso ao crédito”, destaca Galdino.

(Nota publicada na edição 1160 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Bom relacionamento na crise

Nem só de más noticias vive o mundo da pandemia. Prevendo uma disparada no aumento do endividamento dos brasileiros, a Uffa, plataforma [...]

Fórmula da Ultrafarma

Nem todos os empresários estão sofrendo na crise. Sidney Oliveira, dono da Ultrafarma, maior rede de drogarias virtuais do País, [...]

Saúde e emprego nos trilhos

A VLI, empresa de ferrovias e portos, elaborou um pacote de ajuda humanitária para auxiliar Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Rio de [...]

Cannabis paraguaia

O mercado brasileiro acaba de dar um passo importante para o acesso aos medicamentos derivados da Cannabis. A GFB, empresa de capital [...]

O segundo empreendimento humanitário de Carlos Wizard

Depois de quase dois anos vivendo em Roraima, ao lado de refugiados venezuelanos, o bilionário Carlos Wizard Martins, chairman do Grupo [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.