Finanças

Ibovespa ultrapassa os 100 mil pontos nesta sexta-feira e fecha com alta de 0,88%

Crédito: Reprodução/B3

Ontem, o Ibovespa atingiu também a marca dos 100 mil, durante a manhã, em movimento antecipado ontem pelos futuros (Crédito: Reprodução/B3)

O principal índice acionário do Brasil, o Ibovespa, negociado na B3, superou a marca dos 100 mil pontos. Após uma queda de 0,61% na véspera, o índice encerrou o pregão com avanço de 0,88%, com 100.031,83 pontos.

A última vez que a bolsa de São Paulo fechou acima dos 100 mil pontos foi no dia 5 de março, antes do início da crise do coronavírus no País. Naquele dia, o índice encerrou com 102.233,24 pontos.

No mesmo mês, o Ibovespa atingiu o menor patamar durante a pandemia da covid-19. No dia 23 de março, o mercado viu o principal indicador de ações do País registrar 63.569,62 pontos.

Ontem, o Ibovespa atingiu também a marca dos 100 mil, durante a manhã, em movimento antecipado pelos futuros. Mas acabou encerrando com 99.160,33 pontos.

+ Ouro fecha em queda, em dia de volatilidade nas bolsas e ajuste de posições
+ Bolsas da Europa fecham em alta, com foco em orçamento da UE e remdesivir 

 

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel