Giro

Hackers brasileiros roubaram dados de clientes em 12 bancos

Crédito: Pixabay

O grupo de hackers brasileiros utiliza o velho truque do e-mail que simula o contato de um banco avisando sobre problemas na conta (Crédito: Pixabay)

A Kaspersky, uma empresa de segurança digital russa, descobriu uma rede de hackers brasileiros que estavam roubando clientes de 12 bancos no México, Chile, Portugal, Espanha e Brasil. Eles utilizavam malwares para acessar os navegadores e a memória dos computadores e obterem acesso a logins e senhas dos bancos das vítimas.

Os vírus Guildma, Javali, Melcoz e Grandoreiro tinham como alvos bancos da China e dos Estados Unidos, segundo o UOL, e esses hackers brasileiros estariam montando uma rede apoio em outros países do mundo com o objetivo de exportar os quatro malwares.

+ Grupo de hackers russos está atacando trabalhadores home office dos EUA
+ EUA diz que hackers chineses podem colocar vacina contra covid-19 em perigo
+ Google alerta para ataques de hackers usando a COVID-19 como isca

Especialistas da Kaspersky acreditam que os alvos desses vírus estavam direcionados a bancos do exterior pelo fato de que fora do Brasil a vigilância no internet banking é muito mais fraca e as instituições financeiras parecem não ter tantos recursos contra as fraudes.



Esses vírus teriam sido espalhados pela velha tática do email simulando problemas na conta bancária ou com o cartão de crédito da pessoa. Ao clicar nesses links internos, as vítimas acabam instalando o vírus e possibilitando um acesso remoto do próprio computador, deixando-o exposto a coleta de informações.

No momento em que a pessoa acessa o internet banking, o computador pode travar e os hackers ganham tempo para iniciar o roubo.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel