Economia

Guedes/vídeo: China deveria financiar Plano Marshall para ajudar

Parte da fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, que aparece no vídeo da reunião do dia 22 de abril foi cortada por fazer referência à China. Ainda assim, Guedes afirma, em um dos trechos, que o país asiático “deveria financiar um Plano Marshall para ajudar todo mundo que foi atingido” pelo novo coronavírus. Epicentro original da covid-19, a China também é o principal parceiro comercial do País.

“Plano Marshall, por exemplo, os Estados Unidos podem fazer um Plano Marshall para nos ajudar. A China, (parte cortada por decisão do STF), deveria financiar um Plano Marshall para ajudar todo mundo que foi atingido. Então a primeira inadequação, a gente tem que tomar muito cuidado, é o seguinte, é o plano Pró-Brasil”, disse Guedes.

O ministro falou sobre o tema ao criticar integrantes do governo que apelidaram, nos bastidores, a ideia de um programa de investimentos públicos de Plano Marshall.

Veja também

+ Sandero deixa VW Polo GTS para trás em comparativo
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial
+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”
+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?