Economia

Guedes sugere vender rapidamente “a p*** do BB’ em referência ao Banco do Brasil, diz jornal

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

Durante a reunião ministerial citada pelo ex-ministro Sergio Moro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, teria dito que o governo federam precisa "vender logo a porra do BB", em relação ao Banco do Brasil (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

Durante a reunião ministerial citada pelo ex-ministro Sergio Moro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, teria dito que o governo federam precisa “vender logo a porra do BB”, em relação ao Banco do Brasil, aponta a coluna da Bela Megale, do jornal O Globo.

A reunião tem sido o principal tema discutido na política nacional, tendo em vista que Moro disse que a fala do presidente da República, Jair Bolsonaro, durante o encontro provaria a intenção de interferência na Polícia Federal. Atualmente, tramita na Justiça a possibilidade da divulgação pública da íntegra do vídeo da reunião, defendida por Moro e rejeitada pelo governo federal.

+ Guedes pede que empresários conversem com outros poderes sobre retomada
+ Prorrogação de auxílio emergencial é assunto para Guedes, diz Bolsonaro 

A suposta sugestão de Guedes ocorreu com a presença de ministros e também dos presidentes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Segundo O Globo, o ministro da Economia está insatisfeito com a liberação de crédito no País e tem criticado o BB por não “puxar a fila” no avanço das concessões.



 

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago