Economia

Governo sempre disse que a Petrobras tem autonomia e liberdade, diz Onyx

Ao comentar sobre a reunião que será realizada entre o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, na tarde desta terça-feira, 16, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, ressaltou que a Petrobras tem autonomia e liberdade para “exercitar aquilo que é necessário do ponto de vista de política de combustíveis”.

“Vai haver reunião agora a tarde com o presidente, pessoal da Economia e Petrobras, e irão discutir esse tema (em torno do combustível). Agora o governo sempre disse que a Petrobras tem autonomia e liberdade para exercitar aquilo que é necessário do ponto de vista de política de combustíveis”, disse Onyx, durante coletiva de imprensa em que o governo anunciou medidas para o setor de transporte rodoviário.

O encontro entre Bolsonaro e o presidente da petrolífera está previsto para acontecer às 16h30 (horário de Brasília), no Palácio do Planalto, e também contará com a presença de Onyx, do ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, do ministro da Economia, Paulo Guedes, de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e do diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone.