Economia

Governo está mais convencido sobre problema do imposto sobre folha, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que, após a pandemia de coronavírus, o governo está ainda mais convencido do problema de imposto sobre a folha de pagamentos. “O debate sobre desoneração da folha de pagamentos estava interditado na Câmara”, afirmou, em palestra em Congresso da Abrapp.

Guedes ainda repetiu que o governo quebrou a trajetória de avanço dos gastos públicos, com a aprovação da reforma da previdência, a redução das despesas com juros da dívida, que, segundo o ministro, irá cair R$ 120 bilhões este ano, e o congelamento do salário dos servidores.

O ministro ainda alfinetou o governo de Michel Temer, dizendo que foi um governo de transição, que apresentou a reforma da Previdência, mas não conseguiu aprová-la e aumentou o salário do funcionalismo. “Temer colocou teto sem parede, parede são as reformas que fizemos.”

Segundo o ministro, a capitalização como parte do regime de previdência o tornaria mais eficiente, mas não é prioridade mais neste governo.



Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel