Economia

Governo adia decisão sobre pagamento de lucro do FGTS; entenda

Crédito: Arquivo / Agência Brasil

A reunião foi remarcada para a próxima semana (Crédito: Arquivo / Agência Brasil)

A reunião que discutiria o quanto os trabalhadores brasileiros que têm dinheiro no Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) devem receber por conta do lucro do Fundo, que chegou a R$ 8,5 bilhões, foi adiada em uma semana. Agendada para esta terça-feira (10), a reunião foi remarcada para a próxima semana, dia 17.



O Ministério da Economia informou que a mudança de data se deveu à necessidade de reorganização de equipe e trabalhos do Conselho Curador do FGTS que passa a ser vinculado à estrutura do Ministério do Trabalho e Previdência e não mais ao do Ministério da Economia, conforme estabelecido pela Medida Provisória nº 1.058, de 27 de julho de 2021.

+ Economia não acha boa alternativa excluir despesas como precatórios do teto

De acordo com a pasta, não há prejuízo à deliberação sobre a distribuição de resultados do Fundo, cujos os créditos são realizados até o dia 31 de agosto, como previsto na Lei nº 8.036, de 1990.

O Conselho se reúne a cada dois meses para deliberar sobre as diretrizes que norteiam a utilização do Fundo. O lucro geral caiu aproximadamente 25% em 2020, para R$ 8,47 bilhões. Em 2019, o saldo positivo foi de R$ 11,32 bilhões.




Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?