Google e Facebook entram na lista de veículos de comunicação

Google e Facebook entram na lista de veículos de comunicação

Google e Facebook entram na lista de veículos de comunicação

Google, Facebook e suas plataformas coligadas, como YouTube e Instagram, passaram a ser classificados como veículos de comunicação. A decisão foi tomada pelo Conselho Executivo das Normas-Padrão (Cenp) na terça-feira 16. O órgão é mantido pela iniciativa privada e atua para regular as práticas comerciais entre anunciantes, agências de publicidade e veículos de comunicação. Historicamente, as gigantes americanas se definem como empresas de tecnologia, e não de comunicação, apesar de fazer receita com conteúdo informativo e publicidade. Em sua resolução o Cenp informa que sempre que “questionado por autoridade administrativa ou judicial” se valerá de sua lista de quem é ou não veículo. A principal implicação é que Google e Facebook passam a ter responsabilidade pelos conteúdos exibidos.



(Nota publicada na Edição 1130 da Revista Dinheiro)


Saiba mais
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto


Sobre o autor


Mais colunas e blogs


Mais posts

Ver mais

Copyright ©2022 - Três Editorial Ltda.
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.