Economia

General Motors busca chegar aos céus com projeto de carro voador

Crédito: Arquivo AFP

A General Motors anunciou que está trabalhando no conceito de um carro voador (Crédito: Arquivo AFP)

A General Motors se uniu nesta terça-feira (12) à corrida dos carros voadores, ao apresentar seu projeto de táxi aéreo autônomo na Consumer Electronics Show (CES) de 2021.

A gigante automotiva americana ofereceu poucos detalhes, lançando apenas um vídeo do avião elétrico de decolagem e pouso vertical (eVTOL), da marca Cadillac, em sua página de exibição digital.

+ Ford tenta acalmar clientes e garante que vai manter assistência técnica no Brasil
+ Para Maia, fechamento da Ford no Brasil reforça necessidade de reforma tributária

Várias empresas aeronáuticas e start-ups mostraram carros voadores similares nos últimos anos, embora não haja planos aparentes para uma comercialização imediata.

“Como ter uma viagem mais confortável e luxuosa?”, pergunta o narrador da GM. “Ocupando os céus”.

Foi apresentado um avião de um único assento, capaz de viajar de forma autônoma até 90 km por hora de teto a teto, propulsado por oito rotores que usam “tecnologia de bateria de última geração”.

“O VTOL é uma chave para a visão da GM para um futuro multimodal”, disse o narrador de uma simulação da aeronave em voo.

A notícia coincidiu com a apresentação de uma apresentação de uma nova marca da GM para caminhonetes elétricas, BrightDrop, e outros anúncios da empresa sobre seus planos para impulsionar os veículos elétricos.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel