General Mills reduz a emissão de gás metano

A multinacional General Mills, dona das marcas Häagen-Dazs, Kitano e Yoki, encontrou uma solução para os resíduos gerados em sua unidade fabril, localizada em Paranavaí (PR). A empresa instalou o Ecomax3, um gerador de energia elétrica que utiliza os gases do processo de tratamento de efluentes. Os ganhos já são visíveis. Com o gerador, a unidade reduziu a emissão de gás metano em 1.392 m³ por dia e seu consumo energético em cerca de 30%. “Nós instalamos o gerador pensando no meio ambiente e em nossa comunidade. Com ele, diminuímos drasticamente a emissão de gases nocivos à camada de ozônio e responsáveis pelas mudanças climáticas”, diz Evandro Privatti, diretor de manufatura da General Mills na América Latina. Outra ação da empresa na região é a certificação de Aterro Zero, o que garante a destinação correta de todos os resíduos gerados em sua planta. Mais de 32 toneladas de resíduos sólidos já deixaram de ser destinadas a aterros industriais pelo complexo.

(Nota publicada na Edição 1144 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Meninas entram no mundo da robótica

O projeto As Donas da Robótica, do Instituto Francisca de Souza Peixoto, foi aprovado para receber aporte do Fundo da Infância e [...]

Sem trabalho infantil

É difícil encontrar alguém que não goste de chocolate. Mas há um problema por trás de sua produção que muita gente não imagina. A [...]

Energia limpa e 60% nacional

A turbina eólica Cypress, fabricada pela GE Renewable Energy, obteve o código Finame depois de o BNDES aprovar o credenciamento do [...]

Iberostar investe na economia circular

O grupo espanhol Iberostar, com três resorts no Brasil – dois na Bahia e um no Amazonas –, colocou a economia circular no centro de sua [...]

Suporte é ferramenta para evitar acidentes ambientais

Nos meios produtivos, o cumprimento de exigências ambientais depende muito da qualidade e do uso correto de determinados dispositivos. [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.