Giro

Futebol movimenta R$ 8,8 bilhões em transferências; veja os países que mais gastaram

Crédito: Pixabay/Pexels

Atual janela de transferência de jogadores no mercado do futebol movimentou R$ 8,8 bilhões no mundo até agora. (Crédito: Pixabay/Pexels)



O mercado do futebol está em efervescência com a janela de transferências da temporada 2022/2023. De acordo com dados do site Transfermarkt, os clubes já movimentaram 1,6 bilhão de euros (quase R$ 8,8 bilhões) na compra de direitos econômicos e empréstimos de jogadores.

Até o momento, o mercado brasileiro é o primeiro fora da Europa a aparecer no ranking de países que mais investiram. No geral, está em 12º lugar. Por enquanto são 24,4 milhões de euros (em torno de R$ 135 milhões) gastos pelos times que disputam a primeira divisão do campeonato brasileiro de futebol em novos jogadores para o segundo semestre.

+ Neymar não faz mais parte dos planos do PSG, diz jornal

O futebol inglês é o que mais gastou em transferência de jogadores até agora, com os times da Premier League gastando 456,5 milhões de euros (R$ 2,5 bilhão), correspondendo a 30% do investido em todo o planeta.




A janela de transferência para os times ingleses já está aberta, enquanto outros países como Alemanha, Espanha, França e Itália abrirão o período de contratações nesta sexta-feira, 1º de julho. Em comum apenas a data de fechamento da janela, 1º de setembro. Depois desse período, os clubes só podem registrar jogadores sem contrato. Ou seja, até setembro, esses valores devem aumentar.

Os dez campeonatos de futebol que mais investiram na atual janela de transferência:

1- Campeonato Inglês: 456,5 milhões de euros
2- Campeonato Italiano: 265,7 milhões de euros
3- Campeonato Alemão: 208,5 milhões de euros
4- Campeonato Espanhol: 133,5 milhões de euros
5- Campeonato Francês: 119,7 milhões de euros
6- Campeonato Português: 83,8 milhões de euros
7- Campeonato Italiano (2ª divisão): 34,7 milhões de euros
8- Campeonato Russo: 33,7 milhões de euros
9- Campeonato Turco: 31,6 milhões de euros
10- Campeonato Belga: 30,2 milhões de euros