Fundos do agronegócio se firmam entre as principais opções de investimento neste ano

Crédito: Pixabay

Já existem 18 opções de Fundos de Investimentos nas Cadeias Produtivas Agroindustriais (Fiagro) listadas B3, a bolsa de valores brasileiras, e a expectativa é de que esse número aumente, pois há a demanda tende a crescer, principalmente por parte de pessoas físicas, atraídas pela isenção de imposto de renda, pelo rendimento e pela segurança que vem da solidez do agronegócio (Crédito: Pixabay)

Duas questões ganham cada vez mais importância entre os desafios do agronegócio. A primeira, dita inclusive por lideranças do setor, é a necessidade de uma comunicação mais eficaz com a população urbana para valorizar sua imagem. A outra é a urgência de ampliar a conexão com a Faria Lima, avenida da capital paulista que é sinônimo de finanças. A entrada dos Fundos de Investimentos nas Cadeias Produtivas Agroindustriais, conhecidos como Fiagro, na B3, a bolsa de valores brasileira, em agosto do ano passado, trouxe ganhos para as duas situações.



Pela dinâmica semelhante à dos fundos imobiliários e por contar com isenção de Imposto de Renda (IR) para as pessoas físicas, o Fiagro logo chamou a atenção de investidores urbanos. A procura é bem mais focada no potencial de retorno do que em qualquer afinidade com lavouras e rebanhos, mas quem aposta nessa opção precisa entender que boa parte da segurança desses fundos vem do potencial do agronegócio, que em 2020 representou 26,6% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

Entenda por que a inflação americana impacta os investimentos no Brasil

Quanto ao potencial de captação dos investimentos, que podem estimular o desenvolvimento em diferentes áreas do agronegócio, o balanço das gestoras prova que as perspectivas podem ir além do que se imagina. É o caso da Kijani, totalmente voltada ao agronegócio, que conseguiu captar R$ 240 milhões com o Fiagro Asatala, seu primeiro fundo nessa categoria, distribuído pela XP Investimentos. Este registro superou a oferta de R$ 200 milhões listada na B3, e os próximos resultados podem surpreender também em relação à perspectiva para o primeiro ano de atuação, que era chegar a pelo menos R$ 300 milhões.

Em dezembro do ano passado, a gestora Kardinal captou R$ 58 milhões com a oferta do primeiro Fiagro FIDC (de direitos creditórios). A Kardinal contou com a parceria da Vórtx, fintech especializada em facilitar operações no mercado de capitais, e com a Nagro, outra startup do setor financeiro que atuou como originadora de créditos de forma 100% digital.

+ Especialista revela o segredo dos bilionários da bolsa. Inscreva-se agora e aprenda!



A perspectiva é de que a procura pelo Fiagro continue crescendo e esse fundo ganhe mais destaque como opção de investimento durante 2022. Para o advogado tributarista e sócio do escritório FCAM Advogados, Gabriel Hercos, pode aparecer um boom no segmento imobiliário. “Por conta de o preço das terras ter subido bastante, deve surgir muita gente querendo investir nelas como ativo financeiro”, afirmou. Não é por acaso que gigantes do setor financeiro também apostam nessa ideia. A Itaú Asset acaba de abrir sua primeira emissão do Rura11, seu Fiagro imobiliário.



Tópicos

abro abertura de capital AeroFarms agfintechs agro ações em bolsa agro bolsa agro crowd funding agro disruptivas agro exportações agro inovação agro investidores varejo agro investimentos agro IPO agro perspectivas 2021 agro perspectivas 2022 agro PIB 2021 agro PIB 2022 agro preços agro produtos mais caros agro startups agro tecnologia agro tecnologia 2021 agro tecnologia 2022 agro unicórnio agronegócio startups agronegócio tecnologia Agtechs B3 bolsa de valores brasileira como investir no agronegócio conexão do campo com a faria lima demanda mundial por alimentos fcam advogados Fiagro fintechs Fundos de Investimentos fundos de investimentos isento de imposto de renda para pessoa física fundos de investimentos nas cadeias produtivas agroindustriais investimento no agronegócio kardinal kijani nagro negócios agro O que cobre o seguro agrícola? opção de investimento para 2022 opção de investimento rentável opção para investidores urbanos no agronegócio para onde vai o agronegócio porque o fiagro é uma boa opção de investimento preços IGP-10 agro quanto custa seguro agrícola recursos financeiros para o desenvolvimento das cadeias agropecuárias safra 2020 seguro agrícola seguro agrícola baixas temperaturas seguro agrícola frio seguro agrícola geada branca seguro agrícola geada negra seguro agrícola geadas seguro agrícola inverno seguro agrícola plantio seguro agrícola soja seguro agrícola vale a pena soja bolsa de chigado sojas preços chicago SPAC Special Purpose Acquisition Companies startups agro trigo preços chicago Triigo bolsa de chicago valor safra 2022 projeção Vórtx

Sobre o autor


Mais colunas e blogs


Mais posts

Ver mais

Copyright ©2022 - Três Editorial Ltda.
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.