Negócios

FSP: Correios planejam novos serviços para rivalizar com Uber, Rappi e iFood

O objetivo do novo serviço é simplificar a cadeia de entregas e reduzir custos, unindo a infraestrutura existente da estatal com a adição de colaboradores

FSP: Correios planejam novos serviços para rivalizar com Uber, Rappi e iFood

Uma reportagem do jornal Folha de São Paulo relatou que os Correios estão desenvolvendo um novo serviço de entregas para rivalizar com as startups Uber (e seu serviço Uber Eats), Rappi e iFood. A ideia é a estatal entrar no mercado de entrega compartilhadas através de parcerias com o setor privado e criar o “Uber das encomendas”.

O serviço funciona on-demand com usuários solicitando produtos listados no aplicativo, e que seriam entregues por colaboradores da plataforma que ganham uma porcentagem da compra – não se sabe ainda se fixa ou variável de acordo com a entrega.

Segundo a reportagem, a iniciativa está sendo tratada com grande sigilo, mas os Correios ainda avaliam se farão parcerias com empresas já no mercado, ou se irão se unir com outras companhais que buscam entrar no setor. O objetivo é diminuir o número de etapas logísticas necessárias para o envio de correspondências através do serviço. Hoje, para realizar uma entrega via Correios é necessário fazer uma postagem convencional, que passará por uma série de etapas até chegar ao carteiro, que fará a entrega ao destino final. O objetivo da iniciativa é simplificar a cadeia e reduzir custos.

O modelo a ser adotado ainda está sendo estudado, mas fontes ouvidas pelo jornal dão conta que a nova empreitada seria um híbrido do modelo dos Correios e dos apps como o Rappi, utilizando o modelo de colaboradores, mas aproveitando a força de trabalho e capilaridade da estatal.