Ciência

França mantém restaurantes e bares fechados pelo menos até fevereiro

Crédito: AFP

Usando máscaras faciais, pessoas passam pela decoração natalina de uma loja de departamentos em Paris, 24 de dezembro de 2020 (Crédito: AFP)

Os restaurantes e bares na França permanecerão fechados pelo menos até meados de fevereiro para evitar um aumento nas infecções por covid-19, anunciou o primeiro-ministro Jean Castex nesta quinta-feira (7).

“Museus, cinemas, teatros, instalações esportivas e de lazer não verão nenhum relaxamento nas próximas semanas”, disse Castex em uma coletiva de imprensa com o ministro da Saúde, Olivier Véran.

+ Cientistas argentinos provam que plasma de recuperados reduz mortes por covid
+ Doria: estudos apontam que Coronavac tem eficácia de 78% a 100% contra a covid-19

Os bares e restaurantes ficarão fechados pelo menos até meados de fevereiro, enquanto os espaços culturais poderão voltar a receber público no início do próximo mês, mas de forma progressiva e respeitando um rígido protocolo sanitário.



“Embora o vírus circule um pouco menos na França em relação à maioria dos países vizinhos, o nível de infecções continua alto e a tendência vem aumentando desde meados de dezembro”, justificou Castex.

“Não devemos baixar a guarda”, acrescentou.

A França, onde mais de 66.000 pessoas morreram de covid desde março passado, registra uma média de 15.000 casos diários do novo coronavírus. A título de comparação, o Reino Unido registrou mais de 50.000 casos por dia, em média, durante mais de uma semana.

No entanto, a situação continua “preocupante”. O governo francês olha com particular preocupação para a propagação na França da variante britânica do vírus, “entre 40% e 70% mais contagiosa”, segundo Véran, e da qual duas fontes de “risco” foram detectadas em território francês, um na região de Paris e outro na Bretanha (oeste).

No total, 19 casos de contaminação com essa variante são contabilizados na França e três com uma variante localizada na África do Sul.

Para combater a propagação da variante britânica, que obrigou a Inglaterra a impor um novo confinamento, as fronteiras da França com o Reino Unido permanecerão fechadas “até novo aviso”, disse Castex.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel